fbpx
Para Mães e Pais

Filhos: uma oportunidade de crescer

8 de setembro de 2020

Tinha sido um dia difícil. Ana Júlia já estava dormindo, quando entrei no quarto dela, sentei ao lado da cama e orei: “Deus, por que essa menina age desse jeito?”. Senti no meu coração, imediatamente, a pergunta: “E você já a ensinou a agir diferente?”.

Estufei o peito com todo orgulho e respondi: “SIM! Claro que sim. Eu sempre estou ensinando”. E a conversa continuou: “então, continue ensinando, de maneira persistente, até que vocês duas aprendam”.

Ela precisa aprender a controlar suas reações. Aquele velho papo de educação emocional e tal. E eu? Eu poderia dizer que estou ótima, obrigada! Mas a verdade é que eu também preciso crescer e evoluir.

Eu posso não jogar meus brinquedos nem bater a porta do quarto da hora da raiva. Mas, tem dias, que mesmo silenciosa do lado de fora, meu coração borbulha de raiva, com vontade de se defender e sem o menor interesse de promover algum tipo de instrução educativa.

Gasto tempo negociando com a minha cabeça. Ela sabe que a calma e a mansidão são sempre os melhores caminhos. Mas meu coração insiste em dizer que “precisa dar uns gritos senão ela não vai te escutar”. Orgulho, justiça própria egoísmo, raiva, frustração. Um monte de sentimento humano que habita o coração de pai e mãe.

Mas pai e mãe não têm só sentimento ruim. Pai e mãe têm oportunidade.

Todo mundo conhece aquela história: “se você pede paciência pra Deus, Ele vai te dar paciência ou vai te dar situações para que você precise exercitar a paciência?”. Filhos são a expressão clara disso: eles são o pacote perfeito que você precisa para evoluir nas áreas que sente maior defasagem.

Preciso aprender a me organizar melhor? Filhos!
Preciso ser menos egoísta? Filhos!
Preciso ser mais paciente? Filhos!

É o fogo que purifica o metal, é o atrito que afia o ferro, é a pressão que faz o diamante.

A gente, como ser humano, pode pular fora do fogo, correr do atrito, fugir da pressão. Ou seja, como você vai reagir aos desafios da vida (como uma luta perdida ou uma oportunidade de crescer) e, consequentemente, o resultado disso SÓ DEPENDE DE VOCÊ!

Já é sabido que ter filhos muda o ser humano fisiologicamente. O cérebro muda para se adaptar à nova vida e permitir o desenvolvimento de habilidades necessárias para essa nova fase. Ou seja, já temos a “forcinha da natureza” para a mudança.

Portanto, de verdade, só depende de você!

Aceite que cada dia com filhos é uma nova oportunidade de evolução. Se jogue de cabeça e permita que essas pequenas pessoas, com todos seus desafios e incertezas, levem você a se tornar a pessoa que você gostaria de ser.

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber novidades e dicas no seu e-mail

Veja também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentários do Facebook

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber novidades e dicas no seu e-mail

Quem sou

Sou Melina Pockrandt Robaina, filha de Deus, jornalista e mãe da Manuela (6 anos) e da Ana Júlia (1 ano)

Eu sou Melina, mas pode me chamar de Mel. Moro em Curitiba (PR), sou jornalista, empresária e mãe de duas meninas maravilhosas: Manuela, 11 anos, e Ana Júlia, 6 anos. Um dos meus maiores alvos é tornar a vida mais simples e leve todos os dias.

Saiba mais

Maternidade Simples 2015 - 2020 - Todos os direitos reservados