Viagens e Passeios

Já conhece o Furby?

4 de julho de 2013

furby12-1Você já conhece o Furby? Se seu filho assiste televisão, com certeza, ele já viu a propaganda por aí. E talvez, até pediu o brinquedo… A Manuela pediu para mim há uns dois meses mais ou menos. A minha irmã (tia rica e phyna) estava em Londres e perguntou o que ela queria de presente: não sou boba, indiquei o Furby.

O Furby foi lançado no ano passado (o original nasceu na década de 90) e é uma pelúcia interativa. Ele responde ao toque, à fala, à música e vai moldando sua personalidade de acordo com a forma que é tratado. Fala em Furbish (língua própria) e em português e quanto mais você brinca com ele, mais ele vai falar em português.

Para se divertir mais, é importante baixar o aplicativo gratuito do Furby para iOS ou Android. Com ele, você pode dar comida para o Furby e traduzir o que ele fala, além de outras interações com o brinquedo. Mesmo sem o app, ele sente cócegas, acha graça quando a gente segura ele pelo pé, dança quando ouve música e faz dengo quando ganha carinho.

O Furby custa R$ 400 reais, em média, aqui no Brasil. Na Inglaterra, a minha irmã pagou 70 libras. Obviamente, o Furby da Manuela fala em inglês. Ele é super engraçado. Entre as frases que fala: “me hungry”, “me sleepy”, “party time”, “OMG really?”, “seriously?”. O “I love you” ele só falou para mim até hoje. Ele tem personalidade e vontade própria. Uma hora a gente faz cócegas e ele ri, outra hora a gente faz cócegas do mesmo jeito e ele fala “not now”.

Usa quatro pilhas AA (não inclusas) que duraram 3 dias apenas logo que a Manuela ganhou e brincava sem parar. Um dos maiores problemas do Furby é que ele não tem botão de desligar e é difícil fazê-lo dormir. Depois que dormiu, tem que ter muito cuidado ao tocá-lo para que ele não acorde… Mas é divertido!

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber novidades e dicas no seu e-mail

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber novidades e dicas no seu e-mail

Quem sou

Sou Melina Pockrandt Robaina, filha de Deus, jornalista e mãe da Manuela (6 anos) e da Ana Júlia (1 ano)

Eu sou Melina, mas pode me chamar de Mel. Amo escrever, amo meu marido, amo minhas três filhas e, acima de tudo, amo Jesus. Moramos na Pensilvânia, nos EUA, e, sempre que consigo, gosto de falar sobre minhas experiências, aprendizados e desafios seja na maternidade, na vida cristã ou como imigrante.

Saiba mais

Maternidade Simples 2015 - 2024 - Todos os direitos reservados