Para Mães e Pais vacina da gripe e resfriado infecções respiratórias

Mitos e verdades das gripe e resfriado

29 de janeiro de 2016

Se a criança “pegar friagem” vai ficar doente? E dá para usar o alho para curar a gripe? Quando o assunto é gripe e resfriado a gente ouve tanta coisa que até fica confuso. O otorrinolaringologista do Hospital Cema, Cícero Matsuyama, esclarece alguns fatos sobre o assunto:

RESFRIADO É UMA GRIPE LEVE?

Resfriado e gripe são diferentes. Ambos são transmitidos por vírus e causam sintomas parecidos, no entanto, no caso da gripe as manifestações clínicas são mais graves, há maiores riscos de complicação e a duração da doença é menor.

GRIPOU? O QUE DÁ PARA FAZER EM CASA?

“A utilização de medidas caseiras pode ser bem-vinda, em alguns casos. Gargarejos com água morna e uma pitada de sal nas dores de garganta, lavagens exaustivas de solução nasal nas narinas para desobstrução das vias aéreas podem ajudar no alívio dos sintomas”, explica o médico. Segundo ele, o que deve ser evitado é a ingestão de medicamentos sem prescrição médica.

É VERDADE QUE PINGAR ALGO QUENTE NO OUVIDO MELHORA A DOR?

A utilização de compressas úmidas e quentes nas dores de ouvido agudas podem ser úteis sim, esclarece Matsuyama. Mas jamais introduza substâncias ou instrumentos no conduto auditivo externo. Pode piorar a dor e ainda causar mais problemas.

PEGOU FRIAGEM? TALVEZ FIQUE GRIPADO MESMO

Mudanças bruscas de temperatura fazem o organismo humano reagir, de forma a encontrar o equilíbrio. Por exemplo: alguém que está em um ambiente quente e passa para um ambiente frio passa a produzir mais calor para manter o equilíbrio corporal, aumentando a frequência sanguínea. Com isto, pode haver congestão nasal, aumento de secreções orais e nasais, desconforto na deglutição e, caso ocorra exposição a agentes virais ou bacterianos, a chance de pegar uma gripe é quase certa. Mas, vale lembrar, não é o frio que causa a doença é a mudança brusca de temperatura.

E A VITAMINA C AJUDA  MESMO?

Ajuda a melhorar o sistema imunológico, tornando-o mais resistente. No entanto, já está comprovado que utilizar vitamina C durante um episódio de gripe só vai aliviar os sintomas e talvez diminuir o tempo de duração da doença. Além disso, a Vitamina C é facilmente obtida pela alimentação regular, não há necessidade de suplementos.

MEL, LIMÃO E ALHO CURAM GRIPE E RESFRIADO?

“Sabidamente o mel, limão e o alho têm substâncias descongestionantes e são fontes de vitaminas importantes quando frente a um processo infeccioso viral das vias respiratórias superiores. A utilização dos mesmos é extremamente benéfica, porem devemos ter cuidados quando os sintomas são mais exuberantes ou que perdurem por mais de 5 dias do início do quadro instalado”, esclarece o especialista.

 

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber novidades e dicas no seu e-mail

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

vinte + treze =

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber novidades e dicas no seu e-mail

Quem Sou

Sou Melina Pockrandt Robaina, filha de Deus, jornalista e mãe da Manuela (6 anos) e da Ana Júlia (1 ano)

Eu sou Melina, mas pode me chamar de Mel. Amo escrever, amo meu marido, amo minhas três filhas e, acima de tudo, amo Jesus. Moramos na Pensilvânia, nos EUA, e, sempre que consigo, gosto de falar sobre minhas experiências, aprendizados e desafios seja na maternidade, na vida cristã ou como imigrante.

Saiba mais

Maternidade Simples 2015 - 2024 - Todos os direitos reservados