fbpx
Para Mães e Pais noites de tormenta mãe cansada blog de mãe

“Ninguém sabe como eu me sinto”

29 de junho de 2015

Às vezes, eu falo para o meu marido (em momentos de raiva): “você não tem noção que como são os meus dias”. Normalmente, me queixo da dificuldade de uma semana específica ou de algum dia que tive que me desdobrar – mais do que o normal – para lidar com trabalho, bebê doente, filha em véspera de prova etc e tal.

Ou, até mesmo, com as coisas do blog. Se eu trago isso à tona, eu sinto que as pessoas pensam “você faz este blog porque quer. Então não reclama”. Mas a verdade é que é algo que me dá tanta alegria e prazer, que eu acho que tenho direito, sim, de gastar meu tempo com ele (e pedir que me ajudem para que eu possa ter este tempo).

E eu tenho certeza que muitas (para não dizer todas porque sempre alguém discorda) mães também se sentem assim. Ninguém tem noção de quantas vezes você acordou naquela madrugada, as pessoas têm dificuldade de entender como você pode ficar em casa o dia inteiro e estar cansada no final da tarde. “Como assim você não consegue sentar?”

Ninguém faz ideia do que é comer sempre comida fria. Na verdade, o que é “comer o que dá”. Quantos meses a gente passa comendo qualquer coisa porque nos recusamos (ou, muitas vezes, nem podemos) perder tempo cozinhando algo?

Às vezes, a gente se olha no espelho e sente falta de estar sempre arrumada, com cabelos em ordem, dente escovado às 7h da manhã e unhas feitas. Ah, como tenho saudade da unha sempre feita!

Falando em saudade, acho que o que eu mais sinto falta é a previsibilidade da vida. Eu saber que eu comecei a escrever este texto e que vou conseguir terminá-lo! Basta pensar e colocar tudo para fora, sem imprevistos. É claro que eu o comecei, tive que parar para ir ver a bebê que estava chorando no berço, fiz cereal para a mais velha que acordou e, a cada frase digitada, sou interrompida por ela que está ao meu lado querendo conversar enquanto toma café da manhã.

Você lembra como era a vida com planos que davam certo? Como era decidir sair e simplesmente pegar sua bolsa e sair – em 5 minuto!! apenas? Quem não é mãe não consegue entender este tipo de pensamento. Não consegue acompanhar nossa linha de raciocínio. Pode achar que é até um pouco de exagero ou drama.

A verdade é que ninguém tem noção (até mesmo outras mães) como é a nossa rotina, dentro de nossa casa, com nosso filho, com nossas limitações, dificuldades e também nossas vitórias. Lembra aquele papo que cada um conhece sua vida e não pode compreender a da outra?

E pensar nisso me deixava triste e fazia eu me sentir solitária, mesmo com duas crianças literalmente encostadas em mim. Saber que, por mais que eu explique e ele se esforce para entender, meu marido não consegue ter real noção de como é meu dia a dia é algo bastante frustrante.

Mas, então, como um remédio para a alma, fui lembrada que nada é oculto aos olhos do meu Pai que está no céu! Ele conhece todas as nossas lutas diárias, cada minuto de cansaço, cada segundo de esgotamento. Ele vê cada vez que a gente se levanta de madrugada (cada uma das 27 vezes) e se importa com isso. Você pode não ler a Bíblia ou orar todos os dias, mas isso não muda quem Deus é. E para te mostrar isso que falei acima, vejam que declaração de amor e cuidado maravilhosos está descrita no salmo 139.

Senhor, tu me sondas e me conheces.

Sabes quando me sento e quando me levanto; de longe percebes os meus pensamentos.

Sabes muito bem quando trabalho e quando descanso; todos os meus caminhos te são bem conhecidos.

Antes mesmo que a palavra me chegue à língua, tu já a conheces inteiramente, Senhor.

Tu me cercas, por trás e pela frente, e pões a tua mão sobre mim.

Tu criaste o íntimo do meu ser e me teceste no ventre de minha mãe.

Eu te louvo porque me fizeste de modo especial e admirável. Tuas obras são maravilhosas! Disso tenho plena certeza.

Tenho uma notícia para você: Ele acompanha cada segundo do seu dia. E mesmo nas suas angústias, aflições e nas horas que você pensa que não está fazendo um bom trabalho, você pode ter certeza: Ele te fez de maneira especial e admirável. Você é maravilhosa e não está sozinha!

Este texto foi inspirado no terceiro capítulo do livro Conhecida e Amada – do ministério MOPS. Esta obra tem sido um conforto diário na minha como mãe!

 

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber novidades e dicas no seu e-mail

Veja também

Comentários

  1. Wilza P Almeida disse:

    Nossa que mensagem vinda do céu. Como é bom lembrar que somos amada do Pai e que ele se importa conosco.

  2. Estefânia disse:

    Tudo que eu precisava ler hoje!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentários do Facebook

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber novidades e dicas no seu e-mail

Quem sou

Sou Melina Pockrandt Robaina, filha de Deus, jornalista e mãe da Manuela (6 anos) e da Ana Júlia (1 ano)

Eu sou Melina, mas pode me chamar de Mel. Moro em Curitiba (PR), sou jornalista, empresária e mãe de duas meninas maravilhosas: Manuela, 11 anos, e Ana Júlia, 6 anos. Um dos meus maiores alvos é tornar a vida mais simples e leve todos os dias.

Saiba mais

Maternidade Simples 2015 - 2021 - Todos os direitos reservados