Viagens e Passeios

Post gospel: ensinando a criança a orar

4 de novembro de 2012

Como já disse outras vezes no blog, eu sou cristã e busco ensinar a Manuela nos princípios, valores e fé que temos em casa. A Bíblia diz, em Provérbios: “Ensina a criança no caminho que deve andar e quando for grande não se desviará dele”. Essa é a minha esperança e confiança.

Desde que a Manuela era bebê eu procuro orar, ler a Bíblia e ensiná-la a respeito de Deus, além de levá-la à igreja (aliás, não fazia nem três meses que eu estava grávida quando comprei a sua primeira Bíblia!). E é super legal ver esses frutos ao longo do tempo: ela reconhecer a história de Moisés, por exemplo; saber que a Páscoa é a ressurreição de Jesus, cantar músicas de louvor e adoração e saber orar o Pai Nosso desde o dois anos de idade.

Recentemente, agora que ela já está com mais de três anos, tenho buscado ensinar ela a orar espontaneamente, com suas palavras. Li um livro muito legal recentemente que afirma que uma das formas de demonstrarmos amor para nossos filhos é ensinando-os a orar e a autora dá orientações práticas para isso, que tentei incluir na nossa rotina diária de oração.

Então, na hora de dormir, eu peço para a Manuela pensar em alguma coisa legal que aconteceu naquele dia. Ela diz algo e eu falo para ela agradecer o Papai do Céu por isso, pois foi ele que deu ou nos permitiu fazer. Também peço para ela pensar em algo que queira e pedir a Deus. E assim por diante.

Mas confesso que andava meio desanimada, pois normalmente ela só ora exatamente o que eu falo e muitas vezes de má-vontade. Felizmente, na última semana, pude ver que tem valido a pena.

Eu e a Manuela viajamos para encontrar meu marido em São Paulo (ele estava trabalhando). Aproveitamos o hotel para nos divertir um pouco e depois voltamos para casa. Quando fomos dormir, perguntei para a Manuela se ela tinha agradecido a Deus porque estava melhor da tosse (ela estava tossindo há semanas e melhorou muito naquele dia), então ela orou: “Papai do Céu, muito obrigada porque eu estou melhor da tosse. Obrigada porque a gente veio na viagem do papai, porque a gente andou de avião, porque sentamos na janela, porque brincamos na piscina, muito obrigada por tudo”. Fiquei tão feliz que ela agradeceu e orou muito mais do que eu tinha indicado, reconhecendo que todas essas coisas foram bênçãos de Deus pra nós.  :)

Nesse momento de ensinar a Manuela sobre oração, comprei para ela o livro O que acontece quando falo com Deus?, de Stormie Omartian. Essa autora é conhecida por escrever diversos livros sobre oração, entre eles O Poder da Mãe que Ora, O Poder da Esposa que Ora, O Poder da Mulher que Ora, etc e tal.

Outra sugestão para quem quer ensinar as crianças desde cedo sobre Deus e a Bíblia são os CDs e DVDs do Ministério Diante do Trono para as crianças. São histórias e músicas super fofas, educativas e contagiantes. Desde que a Manuela tinha um ano e nem sabia falar direito, já cantava – ou tentava cantar – as musiquinhas.  Os preferidos aqui em casa são A Arca de Noé e Samuel.

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber novidades e dicas no seu e-mail

Comentários

  1. aNA eLIZA DA sb DE fREITAS disse:

    Que bom ver alguém com pensamentos e atitudes assim para com os filhos. Se pelo menos os pais cristãos pensassem assim, com certeza o mundo seria diferente e pra melhor!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco × três =

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber novidades e dicas no seu e-mail

Quem Sou

Sou Melina Pockrandt Robaina, filha de Deus, jornalista e mãe da Manuela (6 anos) e da Ana Júlia (1 ano)

Eu sou Melina, mas pode me chamar de Mel. Amo escrever, amo meu marido, amo minhas três filhas e, acima de tudo, amo Jesus. Moramos na Pensilvânia, nos EUA, e, sempre que consigo, gosto de falar sobre minhas experiências, aprendizados e desafios seja na maternidade, na vida cristã ou como imigrante.

Saiba mais

Maternidade Simples 2015 - 2024 - Todos os direitos reservados