Lá em Casa

Se fome, não há leite

6 de abril de 2022

“Como bebês recém-nascidos, desejem intensamente o puro leite espiritual, para que, por meio dele, cresçam e experimentem plenamente a salvação,”
‭‭1 Pedro‬ ‭2:2‬ ‭NVT‬‬

Um recém-nascido tem fome de leite! É isso que o nutre. Porém, há algo muito peculiar em relação à amamentação: se o bebê tem “preguiça” de mamar, não suga vigorosamente, o leite não é produzido a contento.

Na verdade, salvo exceções, o seio é naturalmente “programado” para produzir exatamente a quantidade de leite que é demandada pelo bebê.

Por isso, que quando o bebê para de mamar, o comum é que o leite vá “secando” aos poucos.

Esses dias, com uma recém-nascida em casa, me lembrei desse versículo e tenho questionado o quão intenso tem sido o meu desejo por leite espiritual.

Se não há fome, busca, esforço em se alimentar, não há leite!

Por isso, a advertência do apóstolo Pedro: desejem *epipotheo*: ardentemente, intensamente, dedique-se com amor em buscar esse puro leite espiritual que conduz ao crescimento para salvação.

Que não tenhamos preguiça de nos alimentar; uma vez que já provamos da bondade do Senhor (conf I Pedro 2:3).

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber novidades e dicas no seu e-mail

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber novidades e dicas no seu e-mail

Quem sou

Sou Melina Pockrandt Robaina, filha de Deus, jornalista e mãe da Manuela (6 anos) e da Ana Júlia (1 ano)

Eu sou Melina, mas pode me chamar de Mel. Amo escrever, amo meu marido, amo minhas três filhas e, acima de tudo, amo Jesus. Moramos na Pensilvânia, nos EUA, e, sempre que consigo, gosto de falar sobre minhas experiências, aprendizados e desafios seja na maternidade, na vida cristã ou como imigrante.

Saiba mais

Maternidade Simples 2015 - 2024 - Todos os direitos reservados