Para Mães e Pais criança precisa amar e ser amada

7 necessidades básicas da criança #4: Amar e ser amado

9 de julho de 2020

Amar e ser amada é a quarta de sete necessidades que toda criança tem, segundo o autor John M. Drescher, autor de Sete necessidades básicas da criança (saiba mais sobre o livro aqui).

Leia também: Crianças precisam de aceitação.

O amor é tão importante para a saúde e vida da criança quanto a comida que colocamos na mesa. Porém, mais do que amar, nós precisamos demonstrar amor. Já falamos sobre isso: a criança precisa se sentir AMADA.

Crianças precisam aprender a amar e serem amadas

O amor é uma reação aprendida As crianças nascem sem saber como amar, mas com uma grande capacidade de fazê-lo. Elas aprendem pela maneira com que os pais a amam. Devemos mostrar reações calorosas de amor todos os dias, muitas vezes por dia – inclusive e principalmente, quando a criança tem um comportamento desafiador.

O amor entre os pais afeta a capacidade de amar da criança A criança precisa ver o amor genuíno modelado pelos pais. Se ela o verdadeiro amor não é demonstrado em casa, ela vai pautar sua compreensão sobre ele dos filmes, novelas e outras fontes de entretenimento – que nem sempre expressam os valores com os quais concordamos.

O amor deve ser verbal É preciso comunicar o amor também em palavras. O autor comenta que há pessoas que acham que palavras de amor ditas aos filhos não devem ser usadas excessivamente, porém “elas se contradizem, pois não hesitam em usar palavras de reprovação e censura a toda hora”

Amor pede ação Falar palavras de amor, mas não agir com amor é inútil. Expresse seu amor com dedicação ao seu filho.

Amor envolve confiança Pais que sempre suspeitam das crianças criam filhos furtivos. Confie no seu filho e expresse isso a ele.

Amor exige disposição para ouvir Sei que estamos sempre ocupados e cansados; e muitas vezes a conversa da criança parece sem importância. Porém, “ouvir cuidadosamente as pequenas mágoas e queixas, assim como as alegrias de uma criança comunica o verdadeira amor.” Ouvir a criança na infância está intimamente ligado à aproximação entre pai e filho durante a adolescência.

Amor significa compartilhar experiências Fazer atividades, compartilhar hobbies, realizar tarefas domésticas juntos, em harmonia, também são maneiras de demonstrar amor.

O amor constrói relacionamentos francos e confortáveis “O amor sempre olha para além das travessuras da infância”. O autor cita outro teórico que diz que nós, pais, devemos nos apaixonar todos os dias pelos nossos filhos como eles são. “A criança vive na verdade pelo amor e não por ter abrigo, roupa e alimento.”

O amor reconhece que as pessoas são mais importantes que as coisas Não podemos substituir braços amorosos e palavras carinhosas por presentes frios.

criança precisa amar e ser amada

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber novidades e dicas no seu e-mail

Veja também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentários do Facebook

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber novidades e dicas no seu e-mail

Quem sou

Sou Melina Pockrandt Robaina, filha de Deus, jornalista e mãe da Manuela (6 anos) e da Ana Júlia (1 ano)

Eu sou Melina, mas pode me chamar de Mel. Moro em Curitiba (PR), sou jornalista, empresária e mãe de duas meninas maravilhosas: Manuela, 11 anos, e Ana Júlia, 6 anos. Um dos meus maiores alvos é tornar a vida mais simples e leve todos os dias.

Saiba mais

Maternidade Simples 2015 - 2020 - Todos os direitos reservados