Durante a Gravidez

Dia de compras: enxoval da mamãe

11 de abril de 2014

cintaFelizmente, agora faltam poucas coisas que precisam ser compradas até a chegada da Ana Júlia (que acontece daqui um mês!!!). Algumas coisas que faltavam eram para mim, fui comprar esses dias e aproveito para compartilhar com vocês : )

– Sutiã de amamentação – Eles são fundamentais para amamentar (que frase mais desnecessária, rs) e não guardei nenhum da época da Manuela. Passei para amigas que engravidaram depois e estavam precisando. Então comprei na loja Mamãe Básica, em Curitiba, dois modelos da marca My Lady. Um modelo “simples”, sem bojo e ultraconfortável (foi um kit com um cor-da-pele e outro preto). E também comprei um com bojo cinza mescla. Bem bonito e dá uma levantada na autoestima, né?!

Atualização: gente, esse sutiã de bojo é a coisa mais inútil do mundo. Você não consegue virar, “descer” o bojo, então não tem condições de amamentar com ele!

– Cinta – Não comprei cinta pós-parto porque ainda tenho a da época da Manuela. Essa eu guardei! E gente, é tudo de bom na vida. Sem a cinta parece que a barriga está caindo depois do parto. É horrível.

A minha cinta começa logo abaixo do seio e tem uma abertura lá embaixo para as idas ao banheiro. Na primeira gestação, a médica contraindicou as cintas que são só uma “faixa” sem a parte da calcinha junto. Ela disse que tinha um grande risco de ficar mal colocada e pressionar os pontos da cesárea.

Atualização: na hora do banho depois da cesárea, confirmei com a enfermeira se era para eu colocar a cinta e ela disse que sim. No dia seguinte, quando meu obstetra veio me ver perguntou: “- O que você está fazendo com isso?”. Ele disse que se eu quisesse poderia usar, mas que a cinta era “coisa do tempo das cavernas” e que, com ela, o músculo não ia trabalhar para se firmar e, assim, minha barriga ficaria flácida. No dia seguinte, eu tirei e não usei mais.

pijama1– Pijama – Eu estava numa luta à procura de pijamas. Como o parto será em maio não queria comprar nada de verão nem de inverno porque não sei como estará o clima. E passar calor na maternidade ninguém merece, né? Lá na Mamãe Básica, até achei uns modelos que eram de malha bem fininha, mas não deram certo no comprimento da perna da girafa aqui.

Enfim, fui na Bela Gestante e adorei o pijama que tinha lá. É um modelo único da loja, mas tudo de bom: de malha canelada, calça comprida, blusa regata com zíper para amamentação e bolero. A coisa mais amada do mundo. Tinha de várias cores, eu escolhi o cinza mesmo.

Uma coisa que achei bem legal foi o fato de ser zíper em vez de botão no decote. Isso porque, às vezes, pode ficar abrindo com a movimentação ou o acabamento não ser muito bem feito e ficar aparecendo o sutiã entre os botões. Na maternidade, recebendo visita, isso não é legal, né?

Atualização: A Ana Júlia já está com dez dias e eu adoro usar este pijama até agora em casa. Além das vantagens que citei acima, o zíper tem mais um benefício: é muito mais rápido de abrir e fechar do que uma série de botões. Na hora que o bebê está chorando para mamar ou quando já terminou e você precisa se arrumar para segurá-lo e fazer arrotar, cada segundo é precioso!

Além de encontrar o pijama, ganhei um brinde da Johnsons com amostras grátis e uma cartilha de cuidados com o bebê.

Johnson Brinde

E-book descomplica a lista de enxoval de bebê

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber novidades e dicas no seu e-mail

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber novidades e dicas no seu e-mail

Quem sou

Sou Melina Pockrandt Robaina, filha de Deus, jornalista e mãe da Manuela (6 anos) e da Ana Júlia (1 ano)

Eu sou Melina, mas pode me chamar de Mel. Amo escrever, amo meu marido, amo minhas três filhas e, acima de tudo, amo Jesus. Moramos na Pensilvânia, nos EUA, e, sempre que consigo, gosto de falar sobre minhas experiências, aprendizados e desafios seja na maternidade, na vida cristã ou como imigrante.

Saiba mais

Maternidade Simples 2015 - 2024 - Todos os direitos reservados