Lá em Casa terceira gravidez contando a notícia

Diário da 3ª gravidez | O positivo

20 de agosto de 2021

Nas minhas duas primeiras gestações, eu fiquei grávida muito rápido (muito mesmo). Assim, a expectativa era de que seria igual. Não foi.

Só depois de quatro meses de trabalhos maritais, rs, é que o positivo chegou. Eu comecei a sentir enjoos a noite, na hora de dormir (estranho, né?) e no dia que era para eu estar atacada de TPM, nada aconteceu. No meu primeiro dia previsto de menstruação – que é super regradinho – resolvi fazer o teste de farmácia. (Confira aqui alguns sintomas de gravidez)

Gravidez: o teste de farmácia

Eu estava na rua e fiz no banheiro do mercado mesmo. Muita ansiedade… Fiz aquele teste que indica semanas e deu 2-3 semanas/ grávida.

Fui para casa, embalei o teste em uma caixa e disse que tinha um presente para o marido e as meninas: foi muito legal gravar a reação!

Exame de sangue para detectar gravidez

No dia seguinte, pedi uma requisição de exame de sangue para o meu médico. O exame que detecta a gravidez é o Beta HCG e consegue identificar a gestação desde o 10º dia após a fecundação ou no 1º dia de atraso menstrual.

Fiz o exame às 16h e às 20h já estava com o resultado positivo.

Contando a notícia

Eu decidi esperar até a primeira ecografia para contar a novidade para a família. E foi muito legal.

(saiba mais sobre a ecografia de primeiro trimestre – a primeira ecografia da gravidez)

Peguei a foto da ecografia e tirei uma foto das minhas filhas segurando a eco (a foto do começo desse post). Revelei, coloquei num porta retrato e dei de presente no dia do aniversário da minha mãe. Foi um motivo a mais para festejar!!

Confira aqui algumas inspirações de imagens para anunciar a gravidez

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber novidades e dicas no seu e-mail

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber novidades e dicas no seu e-mail

Quem sou

Sou Melina Pockrandt Robaina, filha de Deus, jornalista e mãe da Manuela (6 anos) e da Ana Júlia (1 ano)

Eu sou Melina, mas pode me chamar de Mel. Amo escrever, amo meu marido, amo minhas três filhas e, acima de tudo, amo Jesus. Moramos na Pensilvânia, nos EUA, e, sempre que consigo, gosto de falar sobre minhas experiências, aprendizados e desafios seja na maternidade, na vida cristã ou como imigrante.

Saiba mais

Maternidade Simples 2015 - 2024 - Todos os direitos reservados