Para Mães e Pais viajar de carro com crianças

10 dicas para viajar de carro com crianças

4 de janeiro de 2019
Viajar de carro com crianças e bebês pode ser desafiador, mas também uma delícia. Confira algumas dicas para entreter as crianças na viagem de carro.

Aproveite a viagem de carro com as crianças e não tenha pressa

Essa é para mim a primeira e mais importante dica: aproveite a viagem, curta cada momento e entenda que com crianças as coisas não serão da mesma maneira que viajar só com adultos.
Sua viagem será diferente, mas não precisa ser pior! Curta cada momento.

Viaje em horários nos quais a criança normalmente dorme.

A gente ama nossos filhos, mas uma viagem longa de carro pode ser entendiante para todos. E criança entediada é criança mal-humorada, chorosa, briguenta… quanto mais as crianças dormirem no caminho, melhor para todos!
Aqui em casa, esse horário é de madrugada. Com bebê, pode ser no horário da maior soneca dele.

Faça paradas frequentes.

É comum os motoristas não curtirem muito parar na estrada, mas com crianças isso é essencial. Se elas estiverem dormindo, vale deixar. Mas se estiverem acordadas, parem para ir ao banheiro e, principalmente, para elas esticarem a perna e relaxarem a cabeça. Essas paradas renovam os pequenos!
Atenção: se você sabe que não vai ter paradas mais pra frente e as crianças estão dormindo, vale a pena acorda-las para não correr o risco de precisarem ir ao banheiro e não encontrar.
Por isso, é muito bacana conhecer a estrada e já planejar quais serão as paradas. Torna tudo mais fácil!

Leve lanches e bebidas na viagem de carro.

Leve comidinhas para evitar criança com fome. Se sua família não gosta de farelos no carro, pode levar maçã, por exemplo, que não faz sujeira. É importante ter opções de lanchinhos a bordo. Além de água (no copo antirespingo, se seu filho for bebê).

Converse e brinque com seus filhos.

Converse com as crianças sobre as expectativas para a viagem, o que vocês farão, ajude-os a apreciarem as paisagens, mostre as coisas lindas pela janela.
Aqui em casa, a gente costuma fazer algumas brincadeiras a bordo: quem encontra mais carros vermelhos, falar comidas com as letras do alfabeto, começar histórias para os outros terminarem etc.

Leve brinquedinhos (e deixe as crianças escolherem)

Brinquedos a bordo são importantes. Se seus filhos são maiores, vale falar para eles montarem sua mochila de brinquedos para dentro do carro. As crianças adoram a autonomia e elas mesmos escolhem os melhores brinquedos.
Para bebês, as melhores opções são aquelas que prendem na cadeirinha. Também dá para levar livros de feltro com partes de velcro para eles irem se entretendo durante o caminho.

Playlist da família

Outra opção de entretenimento é separar playlists com músicas que as crianças gostam (aqui em casa as meninas amam trilhas sonoras de filmes). Geralmente, gasta-se um bom tempo com essas músicas e todo mundo se diverte.

Dispositivos eletrônicos

Tem gente que se dá bem com tablets e DVDs portáteis – tanto para filmes quanto aplicativos. Aqui em casa, as meninas enjoam. Então não é uma boa ideia. Vale a pena avaliar.

Dramin e outros remédios.

Eu, particularmente, não gosto desses remédios porque fico super mal depois que acordo. Porém, tem gente que acha melhor para a criança. Se você decidir por eles, converse com seu médico antes e teste em outro momento. Há criança que tem o efeito contrário: em vez de dormir, fica mais elétrica.

Roupas confortáveis, cobertas e travesseiros.

Mas crianças precisam estar confortáveis para dormirem se quiserem. Quanto mais conforto, melhor!

Lembre: Segurança em primeiro lugar ao viajar de carro com crianças!

Sempre, sempre e sempre use a cadeirinha de carro para a idade apropriada. Não faça trajetos, mesmo que curtos, sem a cadeirinha. Mesmo os acidentes mais simples podem ser fatais para as crianças se não estiverem nos dispositivos adequados.

Extra: viagem de carro e desfralde.

Muita gente me perguntou se coloca fralda em criança recém desfraldada ou em processo de desfralde. Eu, particularmente, sempre coloquei a fralda, mas também levava aos banheiros nas paradas. Use fralda-calça para diminuir a preguiça de levar ao banheiro e também não prejudicar o processo.
Ah, se a criança falar que quer fazer xixi, se for possível, evite falar “você está de fralda, faz na fralda mesmo!”. Você acaba perdendo o avanço que já teve no processo de desfralde.

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber novidades e dicas no seu e-mail

Veja também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentários do Facebook

PUBLICIDADE

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber novidades e dicas no seu e-mail

Quem sou

Sou Melina Pockrandt Robaina, filha de Deus, jornalista e mãe da Manuela (6 anos) e da Ana Júlia (1 ano)

Eu sou Melina, mas pode me chamar de Mel. Moro em Curitiba (PR), sou jornalista, empresária e mãe de duas meninas maravilhosas: Manuela, 9 anos, e Ana Júlia, 4 anos. Um dos meus maiores alvos é tornar a vida mais simples e leve todos os dias.

Saiba mais

Maternidade Simples 2017 - Todos os direitos reservados