Lugares e Produtos disney com bebê

Disney com bebê: 10 dicas para aproveitar com os filhos pequenos

10 de agosto de 2018

Minha primeira viagem para a Disney foi já adulta e foi uma viagem para a Disney com bebê. Por isso reuni algumas dicas para aproveitar a Disney com crianças pequenas.

disney com bebê

Avalie se vale a pena levar um bebê para a Disney

Primeira dúvida que muita gente tem: vale a pena levar um bebê para a Disney? Eu digo: depende! Se você só vai poder economizar para fazer uma viagem ao longo da infância do seu filho, eu diria para você levá-lo por volta dos 7 anos. Isso porque na relação “cansaço x aproveitamento da viagem”, o cansaço da criança vence!

Porém, se você tem grana para ir todo ano, todo ano seu filho vai aproveitar de maneira diferente! E você pode fazer programações que permitam que ele aproveite mais.

Eu levei a Ana Júlia com 1 ano e 10 meses. Acredito que depois que a criança já está andando, Disney com bebê começa a fazer mais sentido.

vale a pena levar um bebê para a disney

FAÇA DO BEBÊ PARTE DA PROGRAMAÇÃO

Gente, isso é o básico! Ele também precisa aproveitar! Então, conte com tempo para deixar o bebê brincando nos parquinhos e áreas temáticas dos parques. São vários locais em que os pequenos podem ficar se divertindo. Então, respeite esse tempo para eles também!

dicas magic kingdom

Parquinho que tem embaixo da Splash Mountain. Foto de 2016, para dar a dica: deixe os pequenos se divertirem um pouco lá.

Brinquedos para aproveitar Disney com bebê

É muito importante buscar levar o bebê nas atrações, shows e brinquedos nos momentos em que ele estiver mais desperto. Assim, ele vai aproveitar mais – e toda a família também. Alguns brinquedos que os pequenos adoram:

disney com bebê

Carrossel no Magic Kingdom

Magic Kingdom
Dumbo, It’s a small world, The many adventures of winnie the Pooh, Carrossel, o trenzinho que dá a volta no parque… Esse é o parque Disney mais amigável para os bebês. Leia mais aqui: Como aproveitar o Magic Kingdom com crianças.

Hollywood Studios
Tem muitos shows legais para os pequenos e os personagens do Disney Jr. – em geral, queridinhos dos bebês. Leia mais aqui: Como aproveitar o Hollywood Studios com criança.

Animal Kingdom
Que criança pequena não ama animais? Bebês adoram o Animal Kingdom. Lá também tem um brinquedo tipo o Dumbo (sobe e desce) de dinossauro que é alegria garantida. Leia mais aqui: Como aproveitar o Animal Kingdom com crianças.

Epcot
Para mim, o destaque é o brinquedo do Nemo e o aquário + área temática no final. Também é ótimo para tirar foto com o Mickey, Minnie e Pateta, pois normalmente é o parque com menor fila para esses personagens. Leia mais aqui: Como aproveitar o Epcot com crianças.

Universal e Island of Adventures
A área do Dr. Seuss é divertidíssima para os pequenos, inclusive com brinquedos que eles podem ir. Além disso o Universal tem áreas temáticas muito legais para os pequenos ficarem brincando à vontade. Falo mais abaixo.

Disney com bebê

Área do Dr. Seuss no Island of Adventure

Deixe a criança curtir as áreas temáticas

Como eu comentei, há vários locais onde os bebês podem brincar. Algumas: parquinho embaixo da Splash Mountain, no Magic Kingdom; área temática na saída do Mission: Space, no Epcot; aquário e área temática na saída o Nemo and Friends, no Epcot; todos os animais do Animal Kingdom. 

Além disso, os bebês gostam de interagir com os cenários, tirar foto com os bonecos. Deixem que façam isso!

Os parques da Universal (Universal e Hollywood Studios) são ainda mais legais nesse aspecto: tem a área do George, o Curioso, que é divertidíssima. Especialmente se estiver sol. Também tem a o parquinho Fievel’s playland, que é muito legal, e a área do Barney (o dinossauro roxo). As meninas amaram e esses últimos dois locais têm como foco as crianças menores. Tem até limite de altura para alguns brinquedos, para que os maiores não entrem.

Disney com bebê

Limite de altura máxima no Fievel’s playland (Universal Studios)

 

disney com bebê

Área do George, o Curioso. É legal demais. Tem uma atividade super divertida dentro do último prédio!

disney com bebê

Área do Barney. Conhecemos na segunda viagem e é incrível para os bebês!

Lanches e bebidas

Essa é dica é geral para quem vai à Disney com criança de qualquer idade. Lanches são importantes para manter o bom-humor! Eu sempre comprava banana para a Ana Júlia pela manhã. E levávamos garrafinhas de água que enchíamos nos inúmeros bebedouros espalhados pelos parques. Geralmente, estão próximos aos banheiros.

A gente pode entrar nos parques com lanche na mochila! Sem problemas

Bananinha da Ana Júlia no meio da manhã era sagrada! E geralmente, era pipoca para o resto do grupo para aguentar até o almoço.

TROCADORES NOS PARQUES DISNEY

Todos os banheiros que fui nos parques da Disney tinham trocador. Geralmente é uma bancada de granito, então é bacana ter aquele trocador de bolsa portátil para deixar mais macio.

Por ser tão fácil encontrar os trocadores, eu não fui nenhum dia no Baby Center, mas se você precisar os parques têm esse local voltado ao cuidado com os bebês, inclusive com produtos para venda.

Baby swap/ Child swap

O child/ baby swap é o sistema para revezar a entrada no brinquedo sem perder a fila. Isso é para quem vai com bebê ou criança que não tem altura suficiente para entrar na atração.

Como funciona: o grupo chega no brinquedo e pergunta para o primeiro funcionário da entrada do child swap. O adulto que vai entrar primeiro ganha um crachá e entra na fila (pode ser a tradicional ou no FastPass). Quando chegar lá na entrada do brinquedo mesmo, outro funcionário vai pegar esse crachá e trocar por um ticket que vale para aquele brinquedo.

Com esse ticket, as pessoas que vão na vez seguinte entram diretamente na fila do FastPass. Esse segundo grupo pode passear, não precisa dicar esperando na frente do brinquedo.

Atenção: alguns funcionários – principalmente nas atrações mais concorridas – pedem para ver a criança para ter certeza de que você não está de sacanagem. Então, espere o grupo entrar no brinquedo antes de sumir com o bebê. Em alguns brinquedos, esse ticket de retorno vale para três pessoas. Observe!

Nos parques Universal, a gente não recebia o ticket. A criança e o adulto que iria esperar ficava em uma sala separada na entrada do brinquedo. Eu, particularmente, achei péssimo porque a criança pequena tinha que enfrentar toda a fila sem ir no brinquedo.

Não tenha grandes expectativas quanto a fotos com personagens

Os bebês podem ficar com medo dos personagens. Mesmo os preferidos! Então, não crie grandes expectativas que vai conseguir tirar uma foto linda com o Mickey.

disney com bebê

Olha a cara da Ana Júlia!

Quando a Ana Júlia estava com 1 ano e 10 meses, ela só liberou o sorriso lá pelo terceiro dia e tinha que ficar agarrada comigo no meu colo. Na segunda vez, com quase 4 anos, ela tirou foto com todo mundo, mas chorou com o pateta. Então, respeite!

Leve mochila

Carregue as coisas que você pode precisar numa mochila. Assim fica com as mãos livres para atender e brincar com o bebê. Dentro, eu levava lanches, roupas extras, lenços umedecidos, fraldas, copo/ mamadeira para as bebidas.

TENHA CARRINHO DE BEBÊ

Mesmo se o bebê caminhar sozinho, o cansaço vai chegar. Além de dar uma folga para os braços dos adultos, o carrinho será o lugar para o bebê dormir – e para carregar mochilas e casacos. Ana Júlia usou o carrinho bastante até na nossa segunda viagem, com quase 4 anos. Lá no post sobre o carrinho, eu falei mais sobre isso.

carrinho guarda-chuva disney com bebê

Bônus: cogite alugar um carrinho!

Mesmo se o bebê caminhar sozinho, o cansaço vai chegar. Além de dar uma folga para os braços dos adultos, o carrinho será o lugar para o bebê dormir. Lá no post sobre o carrinho, eu falei mais sobre isso. Muita gente decide comprar um carrinho guarda-chuva lá nos EUA. Realmente, você encontra opções a partir de US$ 19, mas são desconfortáveis tanto para as crianças quanto para os pais. Além de aguentarem pouco peso.

A dica é alugue um carrinho em OrlandoNa WorldStrollers (www.worldstrollers.com) você aluga carrinhos ótimos (e cadeirinhas para carro também) com um preço super em conta. Eles entregam em qualquer lugar da cidade e você pode conhecer as opções e fazer a reserva pelo site. Na hora de reservar, use o código MATERNIDADESIMPLES10 e você garante 10% de desconto no serviço.

O que eu achei de mais legal: tem carrinho que aguenta até 34kg, ou seja, as crianças maiores podem usar. Manuela, aos 7 anos, na viagem da Disney em 2016, usou o carrinho da Ana de tão cansada que estava em um dos dias. Vale a pena conhecer: World Strollers.

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber novidades e dicas no seu e-mail

Veja também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentários do Facebook

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber novidades e dicas no seu e-mail

Quem sou

Sou Melina Pockrandt Robaina, filha de Deus, jornalista e mãe da Manuela (6 anos) e da Ana Júlia (1 ano)

Eu sou Melina, mas pode me chamar de Mel. Moro em Curitiba (PR), sou jornalista, empresária e mãe de duas meninas maravilhosas: Manuela, 9 anos, e Ana Júlia, 4 anos. Um dos meus maiores alvos é tornar a vida mais simples e leve todos os dias.

Saiba mais

Maternidade Simples 2017 - Todos os direitos reservados