Para Mães e Pais dicas disney com bebê

Dicas Disney com bebê: o carrinho ideal (e essencial) para viagem

27 de março de 2016

Viajar para Disney é um sonho realizado, mas é extremamente cansativo! Só no complexo Disney, são 4 parques muito grandes. No livro que eu li antes da nossa viagem (Guia não-oficial da Disney com Crianças), os autores estimam que a gente caminha de 8 a 12 km por dia em um parque. Assim, se você vai para a Disney com bebê ou com criança pequena, é fundamental ter um carrinho bom. Para nós, o Chicco Liteway foi o carrinho ideal para viagem.

disney com bebê

No Epcot

A Ana Júlia está com 1 ano e 10 meses e passou 70% do tempo no carrinho (inclusive para dormir em boa parte do tempo). Às vezes ela pedia colo, mas a gente nem tinha disposição para carregá-la. Então, geralmente, ela saía do carrinho para caminhar ou brincar um pouco e depois pedia para voltar.

Mesmo para crianças um pouco mais velhas, é bacana ter a opção de carrinho. Existem alguns que aguentam até uns 4 anos e, lá nos parques, você pode alugar uns modelos que tranquilamente confortam as crianças até uns seis anos.

E se você tiver qualquer desculpa (ou seja, uma criança) para usar um carrinho de bebê, use! Ele vai ser ótimo pra carregar mochilas, casacos, copos, lanches… Uma infinidade de coisas!

Com a Manuela, a gente já tinha explicado que os passeios seriam longos. E, mesmo quando ela estava cansada, a ideia do próximo brinquedo ou atração a animava e renovava as suas energias. Era impressionante! Ela aguentou muito bem o tranco.

Um parênteses: antes de viajar, pergunte para seu pediatra se tem alguma pomada que você pode levar para ajudar nas dores musculares! Eu não fiz isso e me arrependi.

dicas disney com bebê chicco liteway

Voltando para o assunto do post: o nosso carrinho de bebê é o Chicco Liteway. Eu comprei quando a Ana Júlia completou um ano (talvez um pouquinho depois), quando percebi que o meu carrinho maior não estava mais sendo tão necessário. E quando eu comprei, eu já vislumbrava essa viagem e, por isso, considerei alguns aspectos na hora de escolher. Segue a lista que, na minha opinião, vale para avaliar um carrinho guarda-chuva para viagem ou dia a dia.

Peso

precisa ser um carrinho leve de carregar

Montagem e desmontagem

Precisa ser um carrinho fácil de montar e desmontar. Se der, que seja possível fazer com uma mão só. E também é importante que tenha alguma trava que mantenha o carrinho fechado.

Leveza no deslocamento e uso geral

Rodas que se movimentam fácil, facilidade de manobrar, freios fáceis de ativar e desativar.

Fechamento guarda-chuva

Que fique bem pequeninho.

Conforto do bebê

Que tenha apoio para os pés, opções diferentes de recline para o encosto, cobertura ampla contra o sol.

Bolso porta objetos amplo

Os objetos de toda a família acabam sendo levados no carrinho.

dicas disney com bebê

No aeroporto, esperando o primeiro embarque

No Chicco Liteway encontrei todas essas características. Ele não é um carrinho barato se comparar com outros do estilo guarda-chuva, mas me serviu muito bem.

Fácil de desmontar e montar, levava-o até a porta dos aviões na hora do embarque e também montava e desmontava rapidinho para entrar nos ônibus do sistema de transporte da Disney (hotel – parques).

O recline dele permitia que a Ana ficasse bem sentada na hora de passear e completamente deitada para dormir. É claro que, com o tamanho dela, os pés ficavam para fora do carrinho. Mas teve um dia que ela estava sem cinto, virou para o lado, encolheu as perninhas e dormiu bem confortável toda aconchegada.

Aproveitando o assunto, vale dizer que há infinidades de carrinhos na Disney. Por isso, os parques têm locais reservados para estacioná-los. Os “stroller parking” estão espalhados principalmente perto dos brinquedos em que é permitido bebês ou perto das áreas em que o acesso de carrinhos não é permitido.

Por isso, não pare o carrinho em qualquer lugar. E se você fizer, pode ser que quando voltar seu carrinho tenha sumido. Provavelmente, ele foi movido para um stroller parking próximo.

Ah, e não precisa ter medo de deixar o carrinho. Todo mundo deixa, inclusive com mochilas e malas e tudo fica seguro mesmo no meio da multidão. Para não dizer que é 100% seguro, no Hollywood, vi um corvo pegando biscoitos de um pote que estava aberto em cima de um carrinho. Mas é só! Teve um dia que até deixei o meu iPhone dentro da mochila da Ana Júlia, pendurada no carrinho. E continuou lá.

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber novidades e dicas no seu e-mail

Comentários

  1. Aline ferreIra silva disse:

    Esse carrinho Liteway Chicco pode ser usado em recém nascido?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber novidades e dicas no seu e-mail

Quem sou

Sou Melina Pockrandt Robaina, filha de Deus, jornalista e mãe da Manuela (6 anos) e da Ana Júlia (1 ano)

Eu sou Melina, mas pode me chamar de Mel. Amo escrever, amo meu marido, amo minhas três filhas e, acima de tudo, amo Jesus. Moramos na Pensilvânia, nos EUA, e, sempre que consigo, gosto de falar sobre minhas experiências, aprendizados e desafios seja na maternidade, na vida cristã ou como imigrante.

Saiba mais

Maternidade Simples 2015 - 2024 - Todos os direitos reservados