Lá em Casa madrugada

Reflexões da madrugada

9 de agosto de 2016

Reflexão de uma madrugada qualquer postada no Instagram.

Primeiro filho vem e muda a gente completamente. Ser mãe, dar à luz a outro ser, alimentar um ser humano dependente de você, ensinar os primeiros passos… É muita coisa que causa uma verdadeira transformação.

Segundo filho traz alguns desafios, mas nada se compara à metamorfose provocada pela primeira gestação.

Acho que a Ana Júlia quis desfazer completamente essa verdade na minha vida. Ela, segunda filha, conseguem me fazer sentir,  muitas vezes, uma mãe desesperada de primeira viagem.

Essa noite, pela segunda vez essa semana, mesmo caindo de sono, ela não parava quieta na cama. Foram 3 horas e meia entre a hora de dormir e o momento que ela realmente se aquietou. Eu tentei todas as técnicas de acalentar a disciplinar e nada funcionou. Cansaço, sono, desespero… Ana Júlia muitas vezes faz com que me sinta assim, como se eu fosse uma mãe pela primeira vez com um recém-nascido com cólica nos braços.

Ela questiona minhas ordens, ela ignora minha rotina, ela derrota meus bem-sucedidos métodos de educação.

Muitas vezes, me sinto completamente perdida, como se nunca tivesse passado por situações semelhantes com a Manuela.

A mesma criação, a mesma disciplina, o mesmo amor, o mesmo cuidado e uma resposta completamente diferente.

Eu tenho passado por uma nova transformação com a Ana Júlia. E estou sendo forçada a isso. Porque se continuar sendo a mesma mãe, não vou dar conta de ser a mãe que ELA precisa.

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber novidades e dicas no seu e-mail

Comentários

  1. Caramba, interessante reflexão.. Sou mãe de um primeiro e espero único menino…Sempre ouço que sou mãe de primeira viagem.. acho isso horrível. Na verdade sempre seremos mães de primeira, daquele bebê, daquela criança.. pq cada criança é única e precisamos como vc disse, ser uma mãe para o que aquela criança precisa!
    Bjs

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber novidades e dicas no seu e-mail

Quem sou

Sou Melina Pockrandt Robaina, filha de Deus, jornalista e mãe da Manuela (6 anos) e da Ana Júlia (1 ano)

Eu sou Melina, mas pode me chamar de Mel. Amo escrever, amo meu marido, amo minhas três filhas e, acima de tudo, amo Jesus. Moramos na Pensilvânia, nos EUA, e, sempre que consigo, gosto de falar sobre minhas experiências, aprendizados e desafios seja na maternidade, na vida cristã ou como imigrante.

Saiba mais

Maternidade Simples 2015 - 2024 - Todos os direitos reservados