fbpx

Lá em Casa

Quanto vale um Olaf?

O clube de brinquedos da Manuela tem um novo integrante: Olaf, o boneco de neve do Frozen. Já vi a Manuela feliz com vários presentes, mas foi impagável a alegria dela com a nova pelúcia. Só que aqui em casa, nós temos a política do “grandes presentes só em ocasiões especiais”. É algo que eu…

Continuar Lendo

Três meses da Ana Júlia

Babando muito e “comendo” a mão até não poder mais, a Ana Júlia completou três meses essa semana e resolvi escrever aqui como estamos nesse final do primeiro trimestre: – Sono Pouco antes de voltar a trabalhar, consegui estabelecer uma rotina de sono para a Ana Júlia (para quem não lembra, falo sobre meu retorno…

Continuar Lendo

A primeira vez a gente nunca esquece… só que não!

Eu chego ao mercado com o bebê de dois meses. É a primeira vez que vou às compras sozinha com a Ana Júlia. No caminho, fui torcendo para que ela dormisse, o que deixaria tudo muito mais tranquilo. Quando eu cheguei, viva!, ela está dormindo. Assim, em vez de tirá-la do carro e usar o…

Continuar Lendo

De volta ao trabalho

Gente, desculpe a ausência, mas na semana passada voltei ao trabalho. Além de ter que colocar em ordem todas as coisas da licença-maternidade, que ficaram pendentes, e retomar a rotina normal de serviço, tenho que fazer tudo isso com a Ana Júlia, de 2 meses e meio, no escritório comigo. Se isso não fosse suficientemente…

Continuar Lendo

Abraço de tartaruga

Seja com o cueiro ou manta, a Ana Júlia – com dois meses e meio – não me deixa mais enrolá-la como um charutinho. Pelo menos um braço dela deve ficar livre ou a moça fica super nervosa se debatendo. Assim, a mãozinha fica mexendo sem parar e ela, invariavelmente, acaba tirando a chupeta da…

Continuar Lendo

Como eu deixei de amar o Brasil

Eu sei que esse é um blog sobre maternidade e não variedades, mas o blog é meu e escrevo o que eu quiser… brincadeirinha, hahahaha. Na verdade, eu preciso de um espaço para falar sobre isso e fiquei pensando que, invariavelmente, minhas opiniões e valores serão a base da criação das minhas filhas, quer eu…

Continuar Lendo

A dona da brincadeira

Uma das minhas histórias infantis favoritas é “O Dono da Bola”, da Ruth Rocha. O texto é de 1967, mas ainda super atual. O Caloca é o único garoto do bairro que tem uma bola de verdade, que é usada pelo time para jogar futebol. Só que quando as coisas não saem do jeito que…

Continuar Lendo

O bebê quer mamar!

Na primeira consulta da Ana Júlia no pediatra (com uma semana de vida), ela tinha perdido um pouquinho mais de peso em comparação com a saída da maternidade. Segundo o médico, é comum que haja perda de até 10% do peso com que o bebê nasceu e, depois disso, ela começaria a engordar. Mas 10…

Continuar Lendo

A “primeira” menstruação e outras sensações pós-parto

Um dos piores momentos pós-parto é a primeira menstruação. Depois de mais de uma década (no meu caso) tendo que conviver mensalmente com essa visita indesejada, a gente tem o vislumbre de uma vida livre de chico por quase um ano…. mas ela volta. E volta com tudo! Há quem diga que isso é drama…

Continuar Lendo

Relato de parto e sofrimento fetal (como assim??)

Como contei no relato de parto da Ana Júlia, a maternidade em que a ela nasceu errou e o meu parto foi mais traumático do que deveria ser. Assim, a Juju sofreu e acabou nascendo sem respirar, para nosso completo susto. Ninguém está preparado para sofrimento fetal. O meu marido conseguiu ver toda a cirurgia de…

Continuar Lendo

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber novidades e dicas no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber novidades e dicas no seu e-mail

Quem sou

Sou Melina Pockrandt Robaina, filha de Deus, jornalista e mãe da Manuela (6 anos) e da Ana Júlia (1 ano)

Eu sou Melina, mas pode me chamar de Mel. Moro em Curitiba (PR), sou jornalista, empresária e mãe de duas meninas maravilhosas: Manuela, 12 anos, e Ana Júlia, 7 anos. Um dos meus maiores alvos é tornar a vida mais simples e leve todos os dias.

Saiba mais

Maternidade Simples 2015 - 2022 - Todos os direitos reservados