Para Mães e Pais

Dicas para organizar a vida como mãe

Postei no Instagram que uma das coisas que aprendi com a maternidade foi a organização. E algumas pessoas me pediram por lá dicas para organizar a vida como mãe. Eu sempre fui muito desorganizada – com as coisas e com o tempo. Quando minha filha mais velha nasceu, eu entendi que ou me organizava ou…

Continuar Lendo

Laura Gutman em Curitiba: encontro sobre puerpério, maternidade e relação pais e filhos

A psicoterapeuta Laura Gutman, autora do best-seller A maternidade e o encontro com  própria sombra, realiza palestra, bate-papo e tarde de autógrafos em Curitiba, no dia 25/05. O evento Porque todo mundo teve mãe acontece das 10h às 17h e é o pré-lançamento da Casa Rudá, primeira casa de acolhimento ao puerpério do Brasil. “Quem cuida daquela recém-mãe?”…

Continuar Lendo

Amor contra a birra

Fui dar uma olhada novamente no livro “Já tentei de tudo!”, da Isabelle Filliozat (Editora Sextante) para atualizar uma palestra que vou dar sobre birra no mês que vem. Como acabar com a birra é um dos desespero dos pais, né? Logo nas primeiras páginas, vi a história dessa minha semana. Segunda e terça foram…

Continuar Lendo

Às vezes, os bebês precisam chorar. Acolha em vez de calar

A gente tem um medo de choro que é uma coisa incrível. Quantas vezes nós passamos por situações tristes e precisamos chorar? Tem horas que tudo o que queremos é colocar para fora toda nossa tristeza, nossa angústia, nossa dor, nosso estresse. Às vezes, há um acúmulo de cansaço e pressão externa que tem afligido…

Continuar Lendo

Por que bebês menores de 2 anos não devem ficar no celular, tablet ou televisão?

A Academia Americana de Pediatria atualizou recentemente suas diretrizes acerca do tempo de tela para crianças. E, para menores de dois anos, a orientação é zero tela! Isso mesmo, bebês não deveriam assistir à TV ou brincar com tablet e celular. O uso tem prejudicado o desenvolvimento da fala além de afetar o desenvolvimento cognitivo. Estudos…

Continuar Lendo

Você sabia que carinho pode aliviar a dor?

Sim, o colo e o carinho físico têm poder de aliviar as dores físicas. A pediatra Florência Fuks explica que a resposta sensorial tátil – ou seja, aquilo que a gente sente na pele – é mais rápida do que a sensação de dor. O toque que você sente chega mais rápido no cérebro do…

Continuar Lendo

O que é maternidade real?

Cada pessoa vive uma realidade! A minha vida real pode ser diferente da sua. Mas independentemente do que cada um vive, ninguém tem o direito de olhar para uma situação e dizer “isso é maternidade real” ou “isso é romantizar a maternidade, não existe, é falsidade”. A internet trouxe muitos benefícios para o “ser mãe”,…

Continuar Lendo

Compreender não significa aceitar o comportamento errado

O fim da tarde foi tenso ontem. Ana Júlia estava com sono e começou as cenas dois minutos após sair da escola. Coisas bobas a fizeram gritar, chorar, brigar, ser grosseira e desrespeitosa. Sem brincadeira, gente, foram umas 15 cenas (no mínimo) no período de 1 hora e meia entre a saída da escola e…

Continuar Lendo

Filhos são coisa boa

Salmo 127:3 diz que filhos são herança do Senhor, recompensa, galardão, salário… Isso muda de tradução para tradução. Mas ainda que a palavra mude, o sentido não: filhos são coisa boa! Filhos são coisa boa! Isso não parece verdade durante crises de birra ou nas madrugadas em claro. Mas filhos são coisa boa. É o…

Continuar Lendo

Meu filho só quer colo. O que fazer?

Quando falamos dos benefícios do colo, muita gente comenta (ou pensa) “mas meu filho só quer colo, não estou mais dando conta”. Então, vamos a algumas coisas importantes sobre isso! “Meu filho só quer colo” A primeira coisa é lembrar: ninguém precisa ficar escravo do colo! Equilíbrio entre o que é bom para a criança…

Continuar Lendo

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber novidades e dicas no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber novidades e dicas no seu e-mail

Quem sou

Sou Melina Pockrandt Robaina, filha de Deus, jornalista e mãe da Manuela (6 anos) e da Ana Júlia (1 ano)

Eu sou Melina, mas pode me chamar de Mel. Moro em Curitiba (PR), sou jornalista, empresária e mãe de duas meninas maravilhosas: Manuela, 9 anos, e Ana Júlia, 4 anos. Um dos meus maiores alvos é tornar a vida mais simples e leve todos os dias.

Saiba mais

Maternidade Simples 2017 - Todos os direitos reservados